IrreveЯsível

infinit(esimal)mente… cada fôlego.

Archive for December, 2006

Viragem

Posted by P.R.Lobo on Sun December 31, 2006

Então…
Apenas uma noite…
Diferente…
Define todas as outras.
Ou será o contrário?

Advertisements

Posted in β | 2 Comments »

Misantropo

Posted by P.R.Lobo on Sat December 30, 2006

Finalmente…
Conseguiu estar completamente…
Sozinho.
Mas, não comemora…
Com quem?!

Posted in β | 1 Comment »

Solipsistas

Posted by P.R.Lobo on Fri December 29, 2006

Da mesma maneira que sorriem…
Só são capazes de chorar…
Por si mesmos.

Posted in β | Leave a Comment »

Escondido

Posted by P.R.Lobo on Thu December 28, 2006

Abafado…
No fundo…
Queria mesmo…
Que seus olhos…
Fossem de outra pessoa…
Para ser visto…
Para não se ver.

Posted in β | Leave a Comment »

Sentado

Posted by P.R.Lobo on Wed December 27, 2006

Sempre a carregar o fardo…
De ver o mundo de fora…
Na contramão.
Atropelado, como sofre!
Nasceu e levou o mundo na cara…
Sua face original…
É a do choro.
Toda esta infelicidade…
É dada!
Toda sua insatisfação…
Não é mérito!
Apenas ficou com o que recebeu…
Jamais deu um passo além.
Não conhece a própria realidade…
Como pode saber o que é?
Não-saber não escolhe.
Felicidade é um degrau…
É preciso subir…
Para provar…
É preciso saber…
Para escolher.

Posted in β | Leave a Comment »

Sonhador

Posted by P.R.Lobo on Tue December 26, 2006

Queria acordar…
Desta loucura.
Louco!
Abra os olhos!
Acordado…
Você já está.

Posted in β | 3 Comments »

Amadoristas

Posted by P.R.Lobo on Mon December 25, 2006

Por que respiram?
Ah!, Vida, Senhora dos Amadores.

Posted in β | 2 Comments »

Simbionte

Posted by P.R.Lobo on Sun December 24, 2006

Costuma vir quando está sozinho…
A febre que te come a alma…
Aos pouquinhos…
Todo dia morde só um pedacinho…
Bem devagar para não desesperar…
E você se acostumar…
Até que, então, vai chamar por ela…
Faminto…
Louco para fazer o que melhor sabe:
Desfazer-se de si.

Posted in β | 2 Comments »

Calculose

Posted by P.R.Lobo on Sat December 23, 2006

Olhando por fora…
Dirão que é vivo…
Mas, não mais compreende…
A necessidade de viver…
Dentro…
Cheia de pedras…
A vesícula esticada…
Quase arrebenta…
Dilacerando…
Triturando…
O bolo indefinido…
Do que um dia já foi…
A sua alma.

Posted in β | Leave a Comment »

Incomunicante

Posted by P.R.Lobo on Fri December 22, 2006

Com palavras…
Nada realmente significativo…
Pode dizer.

Posted in β | 1 Comment »